quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Jogo de Ontem

Foto: Carlos Costa / Lancepress
Nota do Blog: Nem vou comentar muita coisa sobre o jogo de ontem, pois pelo que jogamos não merecíamos sair de Goias nem com um empate, mas futebol é assim mesmo, nem sempre o melhor vence, vou colocar uma matéria da imprensa de goiania sobrea impressão deles da partida, até para responder uma certa rapoza felpuda da imprensa da capital que teve a cara de pau de dizer que não foi penalti o lance anotado pelo árbitro. Uma coisa é certa mesmo tendo perdido para o Vila, ninguém pode negar, como é forte este time do Avaí.

Tigrão derrota Avaí e volta à vice-liderança
Edivaldo Barbosa
Foi sofrido. Mas o Vila Nova conseguiu a reabilitação no Campeonato Brasileiro ao vencer, na noite de ontem, no Serra Dourada, o Avaí por 1 a 0 – gol do lateral Fernandinho – pela 25ª rodada. Com o resultado, o alvirrubro chegou a 10ª vitória em casa e reassumiu a vice-liderança da Série B, agora com 47 pontos, dois mais que o adversário desta terça-feira. O goleiro Max foi o destaque da partida. Ele evitou a equipe catarinense de empatar o jogo ao defender o pênalti, além de fazer defesas difíceis.

Depois de ser goleado por 5 a 1 pelo América-RN, o Vila entrou em campo com a responsabilidade de tomar a vice-liderança do Avaí. A missão não foi fácil. A equipe catarinense foi objetiva e o alvirrubro, no início da partida, mostrou certo nervosismo. Resultado: muitos passes errados. Aos oito minutos, o zagueiro Luís Carlos cometeu falta na entrada da intermediaria, Sorte que Marquinhos chutou por cima do gol de Max. Apesar do alvirrubro ter mais volúpia de jogo, ninguém – em sã consciência – apostava na vitória vilanovense. Explica-se: o Avaí cadenciava a partida e mostrava claramente que buscava bater a equipe vilanovense no Serra Dourada. Mas, aos 21, Fernandinho recebeu cruzamento, amorteceu a bola com a perna esquerda e chutou de perna direita, longe do alcance do goleiro Eduardo Martini – 1 a 0. O mesmo Fernandinho, aos 32, bateu cruzado e o goleiro fez a defesa. Válber, aos 34, obrigou a defesa a trabalhar.

O segundo tempo foi dramático. Principalmente para o Vila. Logo a um minuto, Wando cruzou e Túlio tentou fazer com a mão. O artilheiro da Série B recebeu o terceiro cartão amarelo. Antes, Heleno, Reinaldo e Alex também haviam recebidos o cartão e estão suspensos. A partir daí, a pressão foi grande do Avaí.

De tanto insistir, aos 26, o zagueiro Luís Carlos puxou Evando dentro da área: pênalti. Aí entrou o goleiro Max. O próprio Evando cobrou e o goleiro defendeu. Logo em seguida, Joelson foi expulso ao acertar Alisson. O Vila, então, segurou a vitória.
Fonte: Hoje Noícia de Goiania

1 Comentário:

Aninha Goulart ® disse...

Não se pode ganhar sempre, né?
Mas nosso time é guerreiro. Acredito que esse jogo vai servir para o Silas ver onde estão os erros e consertar para daqui pra frente termos mais alegrias.
Beijão!

7 anos em 1

7 anos em 1

O Melhor ano da História

O Melhor ano da História

Campeão Catarinense 2009

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO